Um pouco mais sobre o Lábios de Mosto...

Como surgiu o Lábios de Mosto

O Lábios de Mosto começou a duas décadas como um projecto de quem gosta de se sentar à mesa e de fazer de um bom jantar um ponto de encontro de amigos,de trocas e de conversa.


A ideia de poder criar um espaço que fugisse um pouco à noção de um simples restaurante foi o conceito base. Queria uma adega, uma espécie de taberna moderna ,mas simultaneamente um espaço "fashion" e acolhedor onde quem chega se sente bem ,como se fosse recebido em casa dos amigos de sempre e não apenas como mais um cliente de mais um restaurante. 

Optei pelo famoso Bairro do Chiado,em Lisboa,por uma questão de história. No mais atípico bairro lisboeta 

abri uma casa cheia de vida e de cor neste bairro com alma e que lhe confere o bairrismo tão tipicamente lisboeta e que tanto diz de nós,do que somos e do que fazemos.


Fiz questão de cuidar pessoalmente de todos os pormenores,desde a escolha das cores de fogo nas paredes cada cantinho com um toque meu .

À criação de cada prato para proporcionar deliciosos momentos de sabor e partilha através de petiscos ,vinhos e produtos genuinamente portugueses.


Só assim os Lábios são a minha cara  e a minha casa . E cada dia é uma novidade.


O nome foi outra odisseia ; Queria ,tal como o espaço, um nome forte e pleno de história mas recheado de sentido.Lábios de Mosto cumpre o duplo propósito de homenagem à gastronomia e aos bons vinhos portugueses e ,simultaneamente,à poesia e à música tradicional.


Ary dos Santos foi um dos grandes poetas na nossa história contemporânea e um revolucionário dos seus dias. A " Desfolhada" , de onde vem o nome deste espaço, constituiu um grito de revolta que _ pela voz de Simone de Oliveira (que temos o gosto de ver tantas vezes sentada a esta mesa) rompeu com os grilhões do instituído. Não é que seja revolucionária ,mas gosto de me considerar arrojada e - principalmente - pouco acomodada e em constante busca pelo que de novo existe,por toques pessoais que podem e devem fazer toda a diferença.


Como oferecer uma breve explicação do que significa o Mosto


 Depois de colhidas e seleccionadas, todo esse material é colocado numa desengaçadeira, para a retirada de pedúnculos e ramos de cachos das uvas. Esse processo é importante para limitar o aumento do tanino e sua adstringência, aquela sensação de secura que a substância provoca na boca. Em seguida as uvas passam pelo processo de prensagem. Disso resulta uma pasta de suco, casca e sementes, um líquido denso e turvo denominado mosto. 


O projecto começou à  duas décadas e ainda hoje continua a ser humildemente um projecto de uma equipa que quer e gosta de trabalhar e que tem e continuará a ter tudo para aprender.


 



Aprecie uma saborosa combinação de cores e aromas que temos para vos receber

Aprecie uma saborosa combinação de cores e aromas que temos para vos receber